Comentário devocional do Apocalipse

04/07/2007


Apocalipse 15.1

Vi no céu outro sinal grande e admirável: sete anjos tendo os sete últimos flagelos, pois com estes se consumou a cólera de Deus.

Lembramos que João, neste momento da visão que teve na Ilha de Patmos, está observando os acontecimentos do ponto de vista da terra.

Com essa lembrança, vemos no texto de hoje que ele olha da terra para o céu e vê o sinal que chama a atenção dele e que lemos no texto a descrição. Ele observa que os últimos flagelos serão derramados sobre a humanidade!

A visão de João olhando a partir da terra é a que ele descreve aqui. Mas ele já tinha visto a mesma coisa no céu. Podemos comparar a visão do versículo 1 do capítulo 15 com a visão do capítulo 8, versículos de 1 a 6. Sobre esse texto escrevemos em 17/01/07.

No céu, João vê o toque das Trombetas. Algumas coisas acontecem e vamos comparar os acontecimentos vistos por João quando as Trombetas foram tocadas e verificar a proximidade que há nos acontecimentos por ele relatados quando dos 7 Flagelos. No caso, dos 7 acontecimentos em cada uma das situações, 6 são idênticos, apenas com pontos de visão diferentes (as trombetas vistas a partir da visão no céu e os flagelos vistos a partir da visão na terra). Entendemos, com isso, que o relato trata do mesmo evento, um relato visto do céu e o outro, da terra.

MARANATA!

 

Forte abraço.
Em Cristo,
Ricardo, pastor

Esta meditação foi enviada em 04/07/07 por e-mail.