Somos chamados para confiar no Senhor

28/11/2012

 

Embora subas ao alto como águia e se ponha o teu ninho entre as estrelas, dali te derrubarei, diz o Senhor - Obadias 4

Obadias é o menor livro do Antigo Testamento. Ele começa com um título que identifica a profecia como “visão de Obadias”(v.1).O livro é dividido em duas partes:

1) A primeira (vs 1-14) é endereçada a Edom e anuncia sua inevitável queda. Da sua posição de soberba e falsa segurança, Deus irá derribá-lo (vs 2-4).
 
2) A segunda reflete sobre o Dia do Senhor (vs 15-21).

O texto da meditação de hoje está na primeira parte. Mas o que queremos destacar aqui é a realidade da autoconfiança. Se somos guiados pelo Espírito Santo, nem devemos ter receio, nem devemos exagerar em confiar em nossas próprias forças. Mas muitas pessoas, mesmo que digam e pensem seguir os caminhos do Senhor, muitas vezes "batem no peito" e declaram a sua autoconfiança. Alguns até dizem que seria "em o Nome do Senhor", mas na prática se distanciam desse testemunho. E todo aquele que achar que é forte o suficiente, tem que tomar cuidado para não "tropeçar" na própria força! Aquele que está em pé deve tomar cuidado para não cair. Porque se acharmos que podemos tudo, que o seja apenas com a direção do Senhor, pois se fizermos algo que não esteja debaixo dessa orientação, corremos o risco de cair diante da nossa própria incapacidade de admitir que estamos indo além do que é a vontade do Senhor para nós!

Que possamos ter a ousadia dada pelo Espírito Santo e que possamos fugir da autoconfiança, que tanto pode nos atingir. O equilíbrio da direção do Senhor pode nos levar a fazer muitas coisas para testemunho do agir do Senhor! Assim, que não deixemos nosso "ego inflar", nem mesmo na tentativa de fazer mais, pois o que devemos fazer é obedecer a vontade do Senhor, nem mais, nem menos, apenas a vontade do Senhor.

Forte abraço.
Em Cristo,
Ricardo, pastor

Esta meditação foi enviada em 28/11/12 por e-mail.