Oramos por quem?

29/10/2012

 

bendizei aos que vos maldizem e orai pelos que vos caluniam - Lucas 6.28

Oramos facilmente por pessoas desconhecidas que pedem uma oração. Esperamos que a necessidade seja suprida e a pessoa possa dar o crédito ao Senhor por tal conquista.

Oramos facilmente por conhecidos, amigos ou familiares, porque queremos o melhor para essas pessoas. Queremos ver o Nome do Senhor sendo glorificado sempre e esperamos por uma resposta em oração.

Mas o texto de hoje diz que devemos orar por quem nos calunia. Vamos ainda mais longe, diante de uma recomendação de Jesus: orar pelos inimigos! Não só quem fala mal diante de determinada situação, mas aquele que definitivamente não gosta de você, mesmo que não tenha motivos para isso.

Orar por pessoas assim, quer sejam as que nos caluniam por conta de alguma situação específica (muitas vezes até por falta de compreensão completa do assunto, outras por pura maldade - só o Senhor para saber o que se passa no coração), ou pessoas que nos odeiam, querem muitas vezes o nosso mal, pelo menos não querem ver nossos projetos dando certo e até trabalham contra, não é fácil. Orar por desconhecidos é muito mais fácil.

Mas vemos no texto que não podemos fugir dessa situação: orar por essas pessoas que ou nos caluniam ou até não querem ver o nosso melhor. Devemos orar sim! Clamar ao Senhor para que elas possam ver o que está acontecendo, até mudar de opinião, mas muito mais que isso: devemos abençoar essas pessoas, clamar diante do Pai por elas, por cuidado, proteção, carinho. Porque sabemos que pessoas que se levantam contra aqueles que estão fazendo a vontade do Senhor podem ter problemas! Logo, devemos orar por essas pessoas, para que elas possam mudar o caminho, mas que também possam ser cuidadas de si próprias, pois poderão enfrentar consequências dos seus atos. Oremos por aqueles que nos perseguem, caluniam ou odeiam. Que sempre seja feita a vontade do Senhor.

Forte abraço.
Em Cristo,
Ricardo, pastor

Esta meditação foi enviada em 29/10/12 por e-mail.