Orações breves e profundas

02/07/2012

 

Moisés disse ainda: Rogo-te que me mostres a tua glória - Êxodo 33.18

Gostaria de destacar apenas "Mostres a Tua glória"!

Conhecemos a história de Moisés. Sua preservação, quando ainda criança, salvo da matança das crianças hebréias, sendo colocado no rio (podendo morrer lá!), sendo salvo e criado como filho da filha de Faraó, que havia dado a ordem para a matança. Depois, quando adulto, defendendo um hebreu que estava sendo castigado, acabou matando um egípcio e deveria morrer. Conseguiu fugir, mas teve que enfrentar um deserto em sua fuga, o que não facilitou esse processo, mas o cuidado do Senhor era sobre ele. Em terra estranha, é acolhido e passa a ter uma família.

Um dia, chamado por Deus, retorna ao Egito, mas não teve que passar pela pena de morte anteriormente a ele devida. Com firmeza reclama o povo do Senhor para com Faraó. Viu o endurecimento do coração deste e viu também muitos sinais que o Senhor realizou, para providenciar a saída do povo. Viu, logo após a saída, mais prodígios, como a abertura do Mar Vermelho. Além disso, o início da caminhada pelo pelo deserto foi cheia de sinais. Sabemos que toda essa caminhada foi cheia de sinais, mas como estamos utilizando o texto do capítulo 33, versículo 18, de Êxodo, ficamos apenas com o início dessa caminhada.

Moisés me parece um inconformado! Mas no sentido bom dessa palavra! Afinal, viu tantas coisas, tantas manifestações do cuidado de Deus, falou com Ele, sentiu tantas coisas, e ainda pede para ver a glória de Deus. Queria mais! Não queria o mesmo que todo mundo. Queria ir mais fundo no seu relacionamento com o Senhor.

Devemos aprender com essa capacidade de Moisés de ser inconformado, de querer sempre mais, em nosso relacionamento com o Senhor. Não devemos nos dar por satisfeitos! Devemos querer mais, aprofundar mais, conhecer mais, ter mais intimidade com esse Deus que nos ama e se preocupa conosco.

No caso de Moisés, ele queria ir além do que poderia. Mas não ficou sem uma resposta, sem ser atendido. Se buscarmos ao Senhor, seremos atendidos! Teremos cada vez mais intimidade, deixaremos o erro mais e mais, sentindo cada vez mais o toque e o cuidado do Senhor. Basta buscarmos, deixarmos nosso ser passar pela mudança que vem do Senhor, querermos mais, e o Senhor vai se revelar cada vez mais, nos ajudando, dando forças e atendendo nossas necessidades reais e não apenas nossos desejos...

Forte abraço.
Em Cristo,
Ricardo, pastor

Esta meditação foi enviada em 02/07/12 por e-mail.