Deus responde orações!

19/03/2012

 

6ª parte

Gostaria de continuar meditando sobre o tema acima proposto, permitindo o Senhor, apresentando algumas situações na Bíblia que mostram essa verdade.

Leia Atos 12.1-19

Muitos textos de nossas meditações sobre este tema estão mesmo em Atos. Afinal, vemos muitas coisas realizadas através da oração nesse livro.

No texto de hoje, vemos a libertação de Pedro da prisão. Ele havia sido preso injustamente, por pregar o Evangelho e não por ter cometido exatamente um delito. E os irmãos estavam em oração, quando ele foi liberto por um anjo de sua prisão e pôde voltar para a casa onde os irmãos estavam reunidos e orando. Estes, num primeiro momento, nem acreditaram que Pedro estava realmente ali! Tamanho o milagre, pois os que oravam nem imaginavam que a resposta poderia ser tão rápida.

Pedro foi liberto de uma prisão. Era algo físico. Mas podemos contar com o Senhor para nos libertar de prisões as mais variadas, além do que aconteceu com Pedro: doenças, vícios, temores, preconceitos, problemas e tantas outras coisas que acontecem que podem se tornar verdadeiras prisões para nós!

Não sei se você está em alguma "prisão" hoje. Não sei se você conhece alguém que está nessa situação, quer seja uma prisão física ou espiritual. Se for física e for injusta, podemos orar por libertação, claro! Se a pessoa cometeu um erro, podemos clamar para que ela se arrependa de seu erro e tenha forças para enfrentar essa situação.

Agora, se a "prisão" for espiritual, devemos orar clamando por libertação! Sabemos o resultado: podemos contar com a manifestação do Senhor. Em alguns casos, claro, a pessoa também precisa querer ser liberta! Logo, precisamos clamar pela manifestação do Senhor e para que a pessoa entenda essa necessidade de libertação. Muitas vezes, as prisões espirituais são fechadas por nós mesmos! Assim, precisamos orar para que essa prisão seja aberta e possamos desfrutar da liberdade que temos em Cristo!
 

Forte abraço.
Em Cristo,
Ricardo, pastor

Esta meditação foi enviada em 19/03/12 por e-mail.