Deus responde orações!

12/03/2012

 

5ª parte

Gostaria de continuar meditando sobre o tema acima proposto nas próximas semanas, permitindo o Senhor, apresentando algumas situações na Bíblia que mostram essa verdade.

Leia Atos 1.4; 14; 2.1-4

Jesus tinha ordenado aos discípulos que eles permanecessem em Jerusalém até que fossem revestidos de poder (Atos 1.4). Os discípulos não só permaneceram em Jerusalém, mas ficaram em oração (Atos 1.14) e logo a promessa foi cumprida (Atos 2.1-4).

Muitas vezes esperamos respostas para nossas orações e parece que as mesmas não chegam. Por que? Há várias situações (e já escrevemos sobre o "Silêncio de Deus" neste espaço em outro momento - para ler a primeira mensagem dessa série, clique aqui - depois, para ler as demais, volte para o calendário de mensagens e escolha sempre a mensagem da segunda-feira seguinte que tenha mensagem, a partir dessa primeira, no dia 25/04/11, até terminar a leitura da série "Silêncio de Deus"), mas hoje quero destacar uma em especial: precisamos obedecer!

Nosso relacionamento com Deus não passa apenas por esperarmos o que queremos ou precisamos. Ele passa por obediência. Devemos conhecer a vontade do Senhor e obedecer, para podermos esperar algo. Deus não quer apenas pessoas que se aproximem para pedir algo, mas Ele quer filhos! E um filho não chega perto de um pai ou de uma mãe só para pedir. Chega para conversar, comentar sobre as coisas, tomar bronca, fazer e receber carinho, dar e receber atenção e por aí vai...

Os discípulos sabiam a vontade do Senhor e cumpriram. Diante disso, receberam a promessa do Espírito Santo. Nós temos como conhecer a vontade do Senhor: podemos ler na Bíblia sobre isso e podemos clamar para que o Espírito Santo nos dê entendimento. Claro que conversar com outras pessoas (muitas até mais maduras na fé) pode ajudar. Mas o diferencial em nossa vida se dará quando ouvirmos direto do Senhor, através do Espírito.

Obedecendo a vontade do Senhor, podemos esperar pela manifestação do melhor de Deus diante de nossas necessidades. Assim, teremos resposta para nossas orações! O "SIM"... ou... O "NÃO"... ou... O "Espera um pouco"... ou até... O "Melhor diferente"...
 

Forte abraço.
Em Cristo,
Ricardo, pastor

Esta meditação foi enviada em 12/03/12 por e-mail.