Segurando as cordas

18/02/2011

 

L. Roberto Silvado - Do site: vidanet.org.br

Alguns anos atrás eu li uma história que relatava a experiência que alguns botânicos tiveram quando exploravam regiões dos Alpes à procura de novas espécies de flores. Através de binóculos eles encontraram uma flor rara com valor incalculável para a ciência. Porém havia uma dificuldade, ela estava na parte inferior de uma encosta muito inclinada. Para pegá-la alguém precisava descer amarrado em uma corda. Um menino que a tudo observava foi consultado se faria o serviço em troca de um bom pagamento. Ele olhou para o precipício, pensou e disse: “Eu já volto!”. Algum tempo depois ele retornou seguido por um senhor com os cabelos já grisalhos. Aproximando-se do cientista ele disse: “Eu descerei para pegar a flor se este homem segurar a corda. Ele é meu pai.”

Que Deus possa ajudar-nos a ter a fé daquele menino! Você já aprendeu a confiar em Deus como seu amigo? Se alguém pode dar-nos segurança e “segurar as cordas” da nossa vida, esse alguém é o nosso Pai Celestial.

“Deus disse: Eu nunca os deixarei e jamais os abandonarei” (Bíblia, livro de Hebreus, capítulo 13 verso 5)

Você está disposto a dizer hoje: “Se meu Pai Celestial segurar a corda eu não tenho o que temer” ?

Que Deus o abençoe.

 

Forte abraço.
Em Cristo,
Ricardo, pastor

Esta meditação foi enviada em 18/02/11 por e-mail.