Somos chamados para a unidade!

11/08/2010


Efésios 4.1-16

1 Rogo-vos, pois, eu, o prisioneiro no Senhor, que andeis como é digno da vocação com que fostes chamados,
2 com toda a humildade e mansidão, com longanimidade, suportando-vos uns aos outros em amor,
3 procurando diligentemente guardar a unidade do Espírito no vínculo da paz.
4 Há um só corpo e um só Espírito, como também fostes chamados em uma só esperança da vossa vocação;
5 um só Senhor, uma só fé, um só batismo;
6 um só Deus e Pai de todos, o qual é sobre todos, e por todos e em todos.
7 Mas a cada um de nós foi dada a graça conforme a medida do dom de Cristo.
8 Por isso foi dito: Subindo ao alto, levou cativo o cativeiro e deu dons aos homens.
9 Ora, que quer dizer subiu, senão que também desceu às partes mais baixas da terra?
10 Aquele que desceu é também o mesmo que subiu muito acima de todos os céus, para cumprir todas as coisas.
11 E ele deu uns como apóstolos, e outros como profetas, e outros como evangelistas, e outros como pastores e mestres,
12 tendo em vista o aperfeiçoamento dos santos, para a obra do ministério, para edificação do corpo de Cristo;
13 até que todos cheguemos à unidade da fé e do pleno conhecimento do Filho de Deus, ao estado de homem feito, à medida da estatura da plenitude de Cristo;
14 para que não mais sejamos meninos, inconstantes, levados ao redor por todo vento de doutrina, pela fraudulência dos homens, pela astúcia tendente à maquinação do erro;
15 antes, seguindo a verdade em amor, cresçamos em tudo naquele que é a cabeça, Cristo,
16 do qual o corpo inteiro, bem ajustado e ligado pelo auxílio de todas as juntas, segundo a justa operação de cada parte, efetua o seu crescimento para edificação de si mesmo em amor.


Alguns pensamentos sobre unidade, sobre ser corpo de Cristo:

- Paulo pediu para que todos os irmãos andassem com dignidade como cada um foi chamado;

- Todos nós devemos ser humildes, mansos, longânimos e, sobretudo, suportar e amar uns aos outros. Devemos viver a união que Cristo nos proporcionou e nos chama para viver;

- Apesar de pessoas diferentes, com pensamentos, criações ou o que você puder imaginar diferentes, em Cristo somo um corpo, com Ele como Cabeça. Somos chamados para, apesar de diferentes, vivermos como um no Espírito;

- Nós recebemos dons especiais, para aquilo que fomos chamados individualmente e Jesus deu a cada um, através do Espírito Santo, uma função para desempenharmos muito bem o trabalho para o qual temos essa responsabilidade, para que os membros do corpo tenham suas funções diferentes, mas trabalhem para o bom desempenho total do corpo, para a edificação do corpo de Cristo.

Assim, nós devemos ser unidos, bem ajustados, para sermos edificados, amando uns aos outros, tal qual o corpo que temos, onde cada membro tem uma função diferente (Romanos 12.4-5), mas se um tem problemas, o corpo sente a dificuldade junto. Ainda que diferentes, com funções diferentes, trabalhamos juntos para a exaltação do Nome do Senhor!


Forte abraço.
Em Cristo,
Ricardo, pastor

Esta meditação foi enviada em 11/08/10 por e-mail.