Salmo 40

12/07/2007


Oração para livramento
Ao mestre de canto. Salmo de Davi

1 Esperei com paciência pelo Senhor; ele se inclinou para mim e ouviu o meu clamor.
2 Também me tirou duma cova de destruição, dum charco de lodo; pôs os meus pés sobre uma rocha, firmou os meus passos.
3 Pôs na minha boca um cântico novo, um hino ao nosso Deus; muitos verão isso e temerão, e confiarão no Senhor.
4 Bem-aventurado o homem que faz do Senhor a sua confiança, e que não atenta para os soberbos nem para os apóstatas mentirosos.
5 Muitas são, Senhor, Deus meu, as maravilhas que tens operado e os teus pensamentos para conosco; ninguém há que se possa comparar a ti; eu quisera anunciá-los, e manifestá-los, mas são mais do que se podem contar.
6 Sacrifício e oferta não desejas; abriste-me os ouvidos; holocausto e oferta de expiação pelo pecado não reclamaste.
7 Então, disse eu: Eis aqui venho; no rolo do livro está escrito a meu respeito.
8 Deleito-me em fazer a tua vontade, ó Deus meu; sim, a tua lei está dentro do meu coração.
9 Tenho proclamado boas-novas de justiça na grande congregação; eis que não retive os meus lábios;
10 Não ocultei dentro do meu coração a tua justiça; apregoei a tua fidelidade e a tua salvação; não escondi da grande congregação a tua benignidade e a tua verdade.
11 Não detenhas para comigo, Senhor, a tua compaixão; a tua benignidade e a tua fidelidade sempre me guardem.
12 Pois males sem número me têm rodeado; as minhas iniquidades me têm alcançado, de modo que não posso ver; são mais numerosas do que os cabelos da minha cabeça, pelo que desfalece o meu coração.
13 Digna-te, Senhor, livra-me; Senhor, apressa-te em meu auxílio.
14 Sejam à uma envergonhados e confundidos os que buscam a minha vida para destruí-la; tornem atrás e confundam-se os que me desejam o mal.
15 Desolados sejam em razão da sua afronta os que me dizem: Bem-feito! Bem-feito!
16 Regozijem-se e alegrem-se em ti todos os que te buscam. Digam continuamente os que amam a tua salvação: Engrandecido seja o Senhor.
17 Eu, na verdade, sou pobre e necessitado, mas o Senhor cuida de mim. Tu és o meu auxílio e o meu libertador; não te detenhas, ó Deus meu.

Este é mais um salmo atribuído ao Rei Davi.

Não podemos perder de vista os atos do Senhor. Ele realiza grandes obras a cada dia, a cada momento. Muitas vezes, nem notamos. Pode até parecer corriqueiro ou comum aos nossos olhos, mas a cada momento o Senhor age e nos faz algo novo. O simples fato do seu coração estar batendo. Parece algo comum. Mas é agir do Senhor na sua vida!!!

Claro que há atuações da parte Dele que são mais notadas e até mesmo outras pessoas podem observar isso quando acontece conosco. Ou até mesmo há situações que são noticiadas na TV, Rádio, Internet ou Jornal impresso e que pessoas que muitas vezes até admitem nem acreditar em Deus, acabam aceitando que algo diferente aconteceu e alguma interferência foi realizada para que algo acontecesse.

Então, existem situações que parecem corriqueiras e que não podemos perder de vista que quem realiza a obra é o Senhor e precisamos louvar o Seu Nome. E há situações que a intervenção do Senhor é notada com mais facilidade e, claro, também devemos louvar o Seu Nome. Não podemos deixar de louvar ao Senhor!

Não há dificuldade que pareça de impossível solução aos olhos humanos que o Senhor não possa resolver. Basta aguardarmos e veremos o agir do Senhor. Ele nos dará força para enfrentar a situação e nos permitirá a solução no devido tempo e da melhor forma possível.

E quando isso acontecer... Você, ao notar o agir do Senhor e reconhecer que Ele fez, não vai conseguir ficar quieto. Terá "um novo cântico", um novo motivo para louvar. Não precisamos esperar por um motivo maior, uma intervenção maior da parte do Senhor para louvar o Seu Nome. Mas quando essa intervenção maior acontece, nossos lábios não vão ficar quietos. Vamos louvar, anunciar, declarar, tornar conhecido o agir do Senhor. Quando reconhecemos que é Ele que age, não dá pra ficar quieto diante do agir Dele. A felicidade diante dessa ação do Senhor é tão grande que vamos declarar.

A bondade do Senhor nos motiva, nos leva a agradecer, nos leva a sentir a alegria diante de situações que muitos até poderiam se chatear. Nós podemos até nos chatear diante de alguma coisa, mas não permanecemos na chateação. Ainda que o problema não seja resolvido logo de imediato, o Senhor nos dá motivos de sobra para acreditarmos que Ele vai agir. E quando deixamos diante dele nossa inquietação e confiamos no Seu agir, só nos resta louvar, pois Ele vai agir. Nos dando força para enfrentar o problema e vencer ou mesmo nos tirando definitiva e milagrosamente da dificuldade.

A misericórdia do Senhor se revela em cada momento. Em cada situação. Mesmo numa dificuldade, pois Ele nos dá força para enfrentar. Se não fosse esse cuidado, não teríamos força para seguir. Não há outra intervenção que nos possa trazer alegria e paz. Se temos isso, é porque o Senhor nos deu. Ele nos permitiu algumas situações para que pudéssemos sentir Seu agir. Nos deu força para trabalhar, estudar... Você alcançou objetivos porque o Senhor deu a você a força para seguir. Por nós mesmo, desanimamos facilmente, diante das dificuldades que aparecem. Mas com o cuidado do Senhor, podemos seguir em frente e temos força para enfrentar e vencer.

O Senhor nos livra a cada dia de perigos. Nos dá força para enfrentar outros. Quando não nos livra, realiza algo diante de dificuldade que tenhamos que enfrentar. Há propósito de Deus em cada situação que nos acontece e nada pode nos separar do amor Dele. Se Ele permite, é porque vai agir de alguma forma. Se estamos debaixo de Sua vontade, até mesmo as dificuldades nos darão crescimento e poderemos louvar ao Senhor. Não há quem possa cuidar melhor de nós. Podemos nos alegrar no Senhor, pois Ele nos ajuda em cada momento de nossa vida. Essa alegria só pode ser realmente sentida quando reconhecemos o agir do Senhor, quer em grandes ou pequenas situações aos nossos olhos. Quando temos comunhão com Ele, podemos nos alegrar.

Confie. Aguarde. Saiba que Ele age. Sabendo disso, temos como seguir. Seremos livrados de aflições e seremos ajudados no meio delas.

Reconheça o agir do Senhor.

Confie Nele.

Louve ao Senhor.
 

Forte abraço.
Em Cristo,
Ricardo, pastor

Esta meditação foi enviada em 12/07/07 por e-mail.