A conversão do mineiro

23/02/2007

 

Muitas vezes nos preocupamos com grandes milagres, vistosos, muitos deles nas páginas da Bíblia ou acontecidos com pessoas mais próximas ou não, e deixamos de lado alguns milagres que acontecem todos os dias e que, por darmos importância a esses outros, nem mesmo notamos! Achamos que nem estamos vendo ou vivendo grandes milagres como os que ouvimos de outras pessoas ou lemos nas páginas da Bíblia.

Mas, quem vive com alegria debaixo do cuidado do Senhor, mesmo o que parece normal, que parece acontecer com muita gente e todos os dias, pode ter seu lugar de destaque.

Na história que segue, vemos isso. Claro que não vamos desqualificar outros milagres, mas devemos dar importância a todos:


Um mineiro de carvão se converteu. Seus amigos acharam graça. Ficaram tirando onda com ele. Antes ele bebia muito, e não acreditaram na conversão dele.

- "Ô Carlos, você acredita que Jesus virou água em vinho naquela festa?" perguntaram.

- Carlos respondeu. "Não sei se Jesus realmente virou água em vinho naquela casa. Mas, eu sei que na minha casa ele virou cachaça em comida na mesa."

Qual a maior prova de milagres? A transformação na vida dele.

Por que eu acredito nos milagres de Jesus? Pelos milagres que ele fez na minha vida.

Não vi Jesus virar água em vinho. Não vi ele tornar cinco pães num banquete para cinco mil. Mas, eu vi ele tornar um homem violento, revoltado, e vingativo numa pessoa que até seus velhos amigos dizem - "Só Deus pode ter feito isso."

Há pessoas violentas, corruptas, entregues a todo tipo de paixão e vício. Jesus as mudou.

Elas acreditam em milagres? Elas acreditam em transformação?

Acreditam sim! Porque elas viram milagres nas suas próprias vidas. Você acredita em milagres?

autor desconhecido
 

Forte abraço.
Em Cristo,
Ricardo, pastor

Esta meditação foi enviada em 23/02/07 por e-mail.